Fundação de steel frame

O jeito certo de preparar o terreno para a fundação de steel frame

Existem muitas dúvidas em relação à fundação de steel frame, mas o que poucas pessoas sabem é que a fundação para esse tipo de sistema é muito mais simples, apesar de precisar de um terreno plano para ser executado. Mas por ser simples, muitos profissionais que estão começando na área e clientes que não conhecem bem o steel frame ficam em dúvida sobre precisar de engenheiro, como a fundação funciona e como ela é feita.

Como é uma fundação de steel frame?

Quando falamos sobre fundações de obras com steel frame, o conceito muda completamente do que existe na construção tradicional. O primeiro ponto é que quando a obra é feita com o sistema do steel frame, existem cargas que são distribuídas entre todas as paredes, então não há carga pontual. No caso das construções tradicionais, existe apenas um pilar e uma sapata perfurando o solo.

E como no steel frame existem cargas lineares distribuídas e não cargas pontuais que perfuram o terreno, nossas obras são trabalhadas quase sempre com a fundação radier. Esse tipo de fundação é ideal para esse tipo de sistema, justamente porque não precisa de perfuração, estaqueamento e demais coisas que precisam em uma casa feita com alvenaria.

E é por isso que em obras de steel frame o terreno precisa estar o mais nivelado possível, muito bem compactado já que a fundação pode ser executada em qualquer tipo de terreno, seja ele arenoso, rochoso, argiloso, etc.

Mas atenção! Isso não significa que você possa fazer o radier sem nenhum tipo de sondagem. A sondagem é extremamente essencial para descobrir o tipo de terreno e qual será a espessura do seu radier. Ou seja, não são apenas as cargas lineares que estão distribuídas em cima do radier que determinarão a espessura dele, mas o tipo de solo também influencia na escolha da melhor solução.

Saber o tipo de terreno define com precisão a quantidade de malhas a serem usadas na fundação: se será apenas uma malha no meio, uma em cima e outra embaixo ou protendida. E pelo fato de obras com steel frame serem 5 vezes mais leves que as de alvenaria, o radier usado no sistema é muito mais fino do que o convencional e fica entre 10 cm e 20 cm.

DICA

Uma dica de ouro e que vai te poupar dor de cabeça em uma obra é sempre contratar um especialista em fundações, porque a maioria do mercado sabe trabalhar com sapata e estaca e não é todo projetista que sabe trabalhar com radier.

Mas se o terreno for íngreme e possuir um declive, existe solução?

Apesar de não ser tão ideal, existem soluções. Mas você terá que partir para o tradicional. Onde o terreno pode ser nivelado é possível executar o tipo de fundação com o radier, mas, em casos com declive, a solução é descer estacas e trabalhar com uma cinta corrida ou um baldrame. Em todo caso, se for possível cortar e ir nivelando e compactando as áreas, ótimo. Mas se não der, você deve trabalhar com viga corrida ou baldrame.

O radier gera uma economia enorme e se você fizer tudo certo, esse será um ponto decisivo no seu orçamento.

Leia também:

Me siga nas redes sociais: